MaranhãoPrincipais Destaques

Maranhão inicia distribuição da vacina de Oxford/Astrazeneca aos municípios

No início da tarde desta segunda, o estado recebeu mais 20.500 doses da vacina CoronaVac, que nas próximas semanas também serão distribuídas aos municípios

O Governo do estado iniciou, nesta segunda-feira (25), a distribuição das doses do primeiro lote da vacina de Oxford/AstraZeneca, recebido no último domingo (24), para os municípios que já notificaram a aplicação de 70% das doses da CoronaVac. No início da tarde desta segunda, o estado recebeu mais 20.500 doses da vacina CoronaVac, que nas próximas semanas também serão distribuídas aos municípios para a vacinação de mais de 10 mil pessoas.

Durante coletiva de imprensa realizada nesta segunda, o secretário de Estado da Saúde, Carlos Lula, destacou que, até agora, o Maranhão é um dos estados que mais vacinou contra a Covid-19 no país. “A chegada das novas doses vai acelerar o processo de imunização no estado. De acordo com o Relatório do DataSUS, o Maranhão figura entre os estados que mais imunizaram no país, apesar de todas as inconsistências do sistema do Ministério da Saúde”, disse Carlos Lula.

Como a aplicação da segunda dose da AstraZeneca é realizada após 12 semanas da primeira aplicação, neste momento, não haverá retenção de doses. Até o momento, 17 municípios receberam as doses da vacina de Oxford/AstraZeneca, destes, oito são pertencentes à Regional de Saúde de Balsas, cinco são da região de Pinheiro, dois da região de Viana e dois da Regional de Saúde de Rosário.

A chegada das novas doses possibilitou a ampliação do grupo prioritário, agora, além dos profissionais da saúde da linha de frente, os municípios podem optar por imunizar pessoas que estão em tratamento de radioteparia, quimioretapia ou diálise, mediante apresentação de laudo e autorização médica.

Em todo o estado, desde o início da imunização contra a Covid-19, os municípios já receberam 78.223 doses do imunizante e aplicaram 22.798 doses. Destas, 18.834 foram aplicadas em profissionais da saúde, 197 em idosos institucionalizados e 3.767 em indígenas aldeados.

Deixe Aqui Seu Comentário
Minuto SEBRAE - MA
Etiquetas
Ler Mais

RELACIONADAS

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios