WeCreativez WhatsApp Support
O MAIOR PORTAL DE NOTICIAS DO MARANHÃO
ᴄᴇɴᴛʀᴀʟᴅᴇɴᴏᴛɪᴄɪᴀꜱ.ʀᴀᴅɪᴏ.ʙʀ
BrasilDestaquesPolítica

Bolsonaro afirma que vai manter chefe da Secom após denúncias

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) afirmou nesta quinta (16) que se for comprovada ilegalidade na gestão do secretário especial de Comunicação Social da Presidência da República, Fábio Wajngarten, alguma decisão pode ser tomada. No entanto, o chefe do Executivo disse que “até agora está tudo ok”.

Reportagem publicada pelo jornal Folha de S. Paulo nessa quarta (15) diz que Wajngarten receberia dinheiro por parte de emissoras de TV e de agências de publicidade contratadas pela própria secretaria, ministérios e estatais do governo por meio de repasses a uma empresa da qual é sócio: a FW Comunicação e Marketing.

Fábio Wajngarten, chefe da Secom, e Jair Bolsonari, durante cerimônia no Palácio da Alvorada em Brasília. (Foto: Ueslei Marcelino/Reuters – 19.nov.2019)

“Se for ilegal, a gente vê lá na frente. Mas do que eu vi até agora, está tudo ok com o Fábio. Vai continuar, excelente profissional”, disse Bolsonaro na saída do Palácio da Alvorada.

À frente da Secom desde abril de 2019, Wajngarten ainda é o principal sócio da FW, empresa que oferece um serviço também chamado de Controle da Concorrência.

Pela lei, um integrante da cúpula do governo não pode manter negócios com pessoas físicas ou jurídicas que possam ser afetadas pelas próprias decisões. Caso a legislação seja descumprida, o ato pode configurar improbidade administrativa por implicar conflito de interesses. A demissão do agente público é uma das penalidades previstas.

Além disso, segundo a Folha, a empresa ofereceria estudos de mídia para TVs e agências. A FW ainda faria o serviço também conhecido como checking, que “fiscaliza” se peças publicitárias contratadas foram veiculadas nos meios de comunicação.

O chefe da Secom tem 95% das cotas da empresa, enquanto a mãe dele, Clara Wajngarten, possui o restante (5%).

Deixe Aqui Seu Comentário
Rei dos Reis - Cortina
Etiquetas
Ler Mais

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

RELACIONADAS

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios