WeCreativez WhatsApp Support
O MAIOR PORTAL DE NOTICIAS DO MARANHÃO
ᴄᴇɴᴛʀᴀʟᴅᴇɴᴏᴛɪᴄɪᴀꜱ.ʀᴀᴅɪᴏ.ʙʀ
BrasilDestaques

Cantor Victor, da ex dupla com Léo, é condenado por agredir a mulher

De acordo com a Justiça, decisão em 1ª instância estipulou 18 dias de prisão simples em regime aberto; cantor recorreu.

O cantor Victor Chaves, que fazia dupla com Léo, foi condenado em primeira instância na acusação de agressão contra a mulher dele, em Belo Horizonte. De acordo com o Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG), uma pena foi fixada no dia 29 de novembro, estabelecendo o cumprimento de 18 dias de prisão em regime aberto. O cantor recorreu da decisão na última quinta-feira (09), e o caso foi enviado ao Ministério Público de Minas Gerais (MPMG).

Após três anos de um processo judicial, o programa “Domingo Espetacular” da Rede Record, exibiu neste domingo (12) as imagens da agressão do cantor Victor Chaves contra a ex-esposa, Poliana Bagatina. O registro é de 24 de fevereiro de 2017, quando a empresária estava grávida de quatro meses do segundo filho do então casal.

O vídeo foi usado durante o processo e havia sido mantido em sigilo. Entretato, de acordo com a reportagem, a juíza decretou o fim do segredo de justiça por conta de um vídeo publicado pelo sertanejo no ano passado, em que ele satirizava o caso.

 

A CONDENAÇÃO

Victor se tornou réu em 2017, depois de ser indiciado pela Polícia Civil de Minas Gerais por vias de fato, uma contravenção penal contra a mulher. Na época, Poliana Bagatini Chaves estava grávida do segundo filho do casal.

Segundo o boletim de ocorrência, ela disse que foi agredida pelo marido por motivos fúteis, que foi jogada no chão e que recebeu vários chutes, em fevereiro daquele ano, em um prédio no bairro Luxemburgo, na Região Centro-Sul da capital.

Ainda segundo o TJMG, o cantor também foi condenado a pagar R$ 20 mil à vítima, “como indenização em decorrência dos danos morais causados”, além de ter que arcar com os custos processuais. Foi estabelecido o benefício de so surcis, que é a suspensão condicional da pena, pelo prazo de dois anos.

Em fevereiro do ano passado, o cantor fez uma sátira citando a acusação de agressão, em um vídeo publicado na internet.

DEFESA DO CANTOR

Em 2017, Victor disse à TV Globo que “nunca agrediu ninguém”. Neste domingo (12), o advogado do sertanejo, Felipe Martins, disse que existe uma restrição de comentário e divulgação sobre o processo e a sentença. Em nota enviada pela defesa, Victor afirmou que “desde o início deste processo, arquei com os ônus de manter silêncio para preservar minha família. Diante disso, prefiro nada comentar”.

Com informações do G1 e Hugo Gloss

Deixe Aqui Seu Comentário
Rei dos Reis - Cortina
Etiquetas
Ler Mais

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

RELACIONADAS

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios