Saúde e Beleza

Carol Castro: ´Amamentei com lágrimas de dor rolando, mas continuei´

Em entrevista ao “Extra”, Carol conta que teve três mastites (inflamação nos seios) e, mesmo com dores, não desistiu da amamentação.

A atriz Carol Castro, 34 anos, teve sua primeira filha há 11 meses e durante esse período viveu as dores e as delícias de ser mãe e amamentar. Em entrevista ao “Extra”, Carol conta que teve três mastites (inflamação nos seios) e, mesmo com dores, não desistiu da amamentação.

“Senti dor, amamentei com lágrimas de dor rolando, mas fiz questão de ser forte e continuar”, revela Carol. A atriz conta que o contato com Nina sempre foi sua prioridade e o dar de mamar é o momento mais esperado do dia.

Em relação á volta ao trabalho, ela garante que sente falta da filha, mas que é preciso retomar a rotina. “Gostaria de estar ao lado da Nina o tempo todo, mas é saudável que a mãe trabalhe e que ela vá à pracinha, à rua, veja o mar, brinque com crianças.”

A atriz, que tem um relacionamento com violinista e maestro Felipe Prazeres, comenta que com a chegada de Nina a relação se fortaleceu, “Felipe fez Nina junto comigo, é o pai. Então, divide tudo na maior alegria. Se ele vai sair para o trabalho às 9h, acorda às 6h para ficar com ela. Agora somos três.”

Nina completa um ano no dia 12 de agosto e Carol revela que pretende comemorar a data. “Muita coisa mudou nesse quase um ano. Por isso que considero fundamental comemorar o primeiro aniversário da Nina. A criança não vai lembrar dessa festa, mas a mãe precisa comemorar esse seu renascimento. Renasci no parto natural, sem anestesia, quando aprendi a lidar com aquela dor.”

Depois de alguns meses longe da televisão, Carol volta às novelas, nesta terça-feira (31), em “O Tempo Não Para”, como a oficial da Marinha Waleska, uma capitã de fragata linha-dura.

Deixe Aqui Seu Comentário
Tags
Ler Mais

RELACIONADAS

Close
Close