MaranhãoPrincipais Destaques

CNJ barra aumento de auxílio-alimentação pelo Tribunal de Justiça do Maranhão

Na última quarta-feira (19), antes do recesso natalino, o pleno do TJ decidiu aumentar o valor do auxílio-alimentação de R$ 726 para R$ 3.500 por mês.

O corregedor nacional de Justiça, Humberto Martins, recuou da decisão que havia liberado o pagamento de auxílio-alimentação de até R$ 3,5 mil para juízes do Maranhão.

Ministro do STJ, ele suspendeu norma do Tribunal de Justiça do estado que autorizava o pagamento até que o CNJ (Conselho Nacional de Justiça) analise novamente a questão.

A corte maranhense informou que foi intimada neste sábado (22) e que “cumprirá integralmente a decisão do ministro Humberto Martins”.

Na última quarta-feira (19), antes do recesso natalino, o pleno do TJ decidiu aumentar o valor do auxílio-alimentação de R$ 726 para R$ 3.500 por mês.

O reajuste seria o segundo aumento na remuneração dos juízes maranhenses neste fim de ano. Em novembro foi anunciado o aumento de 16,38 % nos salários dos ministros do Supremo Tribunal Federal, que gera efeito cascata para a remuneração dos magistrados em todo o país.

Deixe Aqui Seu Comentário
Tags
Ler Mais

RELACIONADAS

Close
Close