CidadesMaranhãoPolíticaPrincipais Destaques

Declaração de deputado sobre cais gera polêmica no Maranhão

Durante assembleia com moradores da região nobre de São Luís, parlamentar afirmou que a instalação do Cais levaria para a região o que ele chamou de "Classe C". Confira o vídeo e toda a repercussão.

O governador Flávio Dino (PCdoB) se manifestou por meio de redes sociais sobre a polêmica fala do deputado federal Edilazio Júnior (PSD) a respeito da construção do cais da Ponta D’Areia, área nobre de São Luís.

Edilázio Júnior. (Foto: Arquivo/Reprodução)

Em seu discurso durante uma assembleia com moradores da Península, Edilazio falou que vários ludovicenses teriam saído de outros bairros para a região em busca da qualidade de vida que passou a existir há pouco tempo. “Hoje vocês tem uma vida própria. Vocês não precisam sair daqui mais pra nada, tem entretenimento para comer bem, beber bem, enfim”, disse.

Além de fazer publicação falando sobre o cais que será construído na capital, Dino também reafirmou a relevância do cais turístico que será entregue em Alcântara. “Claro que será uma obra importante para o turismo no Maranhão, para os que trabalham na Base e para os moradores de Alcântara e cidades vizinhas. Vamos inclusive tentar atrair investidores privados para a obra”.

Em sua página no Twitter, o governador disse que o ferry boat vai continuar no Terminal da Ponta da Espera. Garantiu que “o projeto se apoia em estudos técnicos sobre marés, não em preconceitos”. Afirmou que não sabe “de onde estão tirando cenários apocalípticos com caminhões, ônibus, etc”.

O governador se manifestou nas redes sociais.

POLÊMICA

A polêmica repercussão vem acontecendo desde a quinta-feira (11), quando o deputado federal Edilazio Júnior se reuniu em assembleia com moradores da Península. Na oportunidade, o deputado estadual Adriano Sarney também chegou a participar do evento. O deputado Edilázio Júnior afirmou durante a assembleia com os moradores, que a instalação do Cais levaria para a região o que ele chamou de “Classe C”.

“Se fosse aquilo ali ia ser muito bacana que cada um poderia ter sua lancha, poderia seu barco, seria já algo a mais para agregar à Península da Ponta D’Areia. Mas, o que de fato vai trazer, o público que vai vir pra cá, é um público que não tem nada a ver com vocês, não tem nada a ver com a gente e sem desmerecer, que não entendam mal, mas o que vai vir pra cá é o público C e não adianta falar de turismo, que não tem turista”, questionou o deputado Edilazio Júnior sobre a instalação do cais.

Em nota, o parlamentar disse que foi mal interprado e pediu desculpas a todos os envolvidos. Ainda segundo sua nota, “há clara distorção em relação às declarações, quando tentam imputar a mim uma suposta postura contra os menos favorecidos de São Luís”.

Confira abaixo o vídeo que gerou toda a polêmica:

CAIS DA PONTA D’AREIA

O projeto aprovado pelo governador Flávio Dino para a construção de dois Terminais Portuários ligando São Luís à cidade de Alcântara vai mudar radicalmente o transporte entre as duas regiões. Aguardada há mais de duas décadas, a obra vai garantir o transporte de passageiros e de cargas 24 horas por dia.

Os Terminais Portuários terão cais flutuantes capazes de receber embarcações, independentemente das tábuas de marés, que atualmente só permitem a navegação no período da cheia. Com a implantação dos Terminais Portuário na Ponta d’Areia, em São Luís e do Terminal Independência, em Alcântara, estima-se a realização de 24 viagens por dia, com embarcações saindo a cada 1 hora, transportando 3.312 passageiros diariamente.

Terminal Independência em Alcântara. (Reprodução)

Central de Notícias e informações do M10

Deixe Aqui Seu Comentário
Rei dos Reis - Cortina
Tags
Ler Mais

RELACIONADAS

Close
Close

Adblock Detected

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios