MaranhãoPrincipais Destaques

Denunciado por assédio sexual, radialista tem primeira audiência nesta quinta

Segundo denúncias de várias mulheres, Samir fazia propostas de sexo durante supostos processos de seleção em empresas de comunicação.

A Justiça marcou para as 14h30 desta quinta-feira (4) a primeira audiência de instrução e julgamento do radialista Samir Ewerton. Ele é acusado por várias profissionais de comunicação de oferecer oportunidades de emprego enquanto pedia por sexo, em São Luís.

Em fevereiro deste ano, várias mulheres diferentes fizeram publicações nas redes sociais que apontam Samir pedindo por sexo em conversas sobre propostas de emprego. Antes, uma transexual havia colocado em seu blog pessoal que o radialista estava aplicando ‘teste do sofá’ para recrutamento de jornalistas.

De acordo com a Delegada da Mulher, Wanda Moura, pelo menos cinco mulheres haviam feito denúncia alegando terem recebido mensagens do celular com propostas de sexo. Na época, Samir fez um Boletim de Ocorrência (B.O) informando que seu celular foi extraviado. Por telefone, ele disse que tinha perdido o celular e que as mensagens não foram escritas por ele.

Em fevereiro, um grupo foi feito em uma rede social onde mais de 50 mulheres afirmaram terem passado por casos de assédio por parte dele.

Deixe Aqui Seu Comentário
Tags
Ler Mais

RELACIONADAS

Close
Close