Maranhão

Dois homens são presos por suspeita de vender animais silvestres no Maranhão

De acordo com a polícia, os três filhotes de tucanos e dois periquitos da espécie Jandaia, estavam sendo trazidos ilegalmente do município de Mirinzal para São Luís.

A polícia prendeu nessa terça-feira (12) duas pessoas suspeitas de comercializar espécies de animais silvestres que estão em extinção. De acordo com a polícia, os três filhotes de tucanos e dois periquitos da espécie Jandaia, estavam sendo trazidos ilegalmente do município de Mirinzal para São Luís.

Os animais estavam sendo transportados em caixas de papelão dentro de uma van que tinha placa do município de Cururupu e vinha para a capital. Rafael Costa Silva e Auricélio Pereira Mendonça, que traziam os animais foram detidos pelos policiais e encaminhados à Delegacia de Meio Ambiente. De acordo com a polícia, as investigações devem levar a origem das aves e se há envolvimento de pessoas de outros estados.

Papagaios da espécie Jandaia. Foto: Reprodução

Filhotes de tucanos

Após prestarem depoimento, os dois suspeitos foram liberados sob assinatura de um termo de circunstanciado de ocorrência. Rafael Costa e Auricélio Pereira devem responder pelo crime de tráfico de animais e podem ser condenados a até dois anos de prisão.

As aves foram transferidas para o Centro de Triagem de Animais Silvestres, onde vão receber alimentação e tratamento adequado, para em breve serem reinseridos na natureza.

Deixe Aqui Seu Comentário
Tags
Ler Mais

RELACIONADAS

Close
Close