WeCreativez WhatsApp Support
O MAIOR PORTAL DE NOTICIAS DO MARANHÃO
ᴄᴇɴᴛʀᴀʟᴅᴇɴᴏᴛɪᴄɪᴀꜱ.ʀᴀᴅɪᴏ.ʙʀ
O FIM DAS DORES - Magnésio Dimalato Magnésio Dimalato
MaranhãoPrincipais DestaquesSaúde e Beleza

Mais nove grupos prioritários iniciam vacinação contra gripe no Maranhão

Mais nove grupos prioritários iniciaram, nesta segunda-feira (22), a vacinação contra a influenza no Maranhão. Equipes da Secretaria de Estado da Saúde (SES), por meio Superintendência de Epidemiologia e Controle de Doenças, realizam in loco o apoio técnico e monitoramento da cobertura vacinal nas Unidades Regionais de Saúde (URSs) de Chapadinha, Itapecuru-Mirim, Pinheiro, Pedreiras, Rosário, Viana, Zé Doca e Codó.

Chefe do Departamento de Controle de Doenças Imunopreveníveis da SES, Maria Helena Almeida, reforçou que o monitoramento prossegue até sexta-feira (Foto: Márcio Sampaio)

A chefe do Departamento de Controle de Doenças Imunopreveníveis da SES, Maria Helena Almeida, reforçou que o monitoramento em oito URSs e prossegue até sexta-feira (26), com foco na meta da Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza que é de, pelo menos, 90% de cobertura em cada um dos grupos prioritários. “Queremos alcançar novamente a meta de imunização dos grupos prioritários do estado”, reiterou.

Vacinação

Chefe do Departamento de Controle de Doenças Imunopreveníveis da SES, Maria Helena Almeida, reforçou que o monitoramento prossegue até sexta-feira (Foto: Márcio Sampaio)

A campanha de vacinação contra gripe tem como grupos prioritários gestantes, crianças de 6 meses a menores de 6 anos, puérperas (até 45 dias após o parto), pessoas com 60 anos ou mais, trabalhadores da saúde, professores de escolas públicas e privadas, povos indígenas, grupos portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais, adolescentes e jovens de 12 a 21 anos sob medidas socioeducativas, população privada de liberdade e os funcionários do sistema prisional, além do efetivo de policiais civis e militares, bombeiros e membros ativos das Forças Armadas.

Para vacinação, a população dos grupos prioritários deverá apresentar documento de identificação e carteira de vacinação. A campanha de vacinação contra influenza vai até 31 de maio.

Policiais

Os profissionais das forças de segurança e salvamento, a partir deste ano, passam a fazer parte do público prioritário da Campanha Nacional de Vacinação contra Influenza. De acordo com o Ministério da Saúde, esses profissionais, assim como os demais já contemplados na campanha, são expostos em atividades de risco em locais de aglomerações, um dos principais fatores de propagação do vírus da influenza.

Sobre a vacinação do efetivo de policiais civis, militares, bombeiros e membros ativos das Forças Armadas, a Coordenação-Geral do Programa Nacional de Imunizações (CGPNI) tem como objetivo imunizar cerca de 900.000 pessoas na meta para este grupo. Para realizar a vacinação nos postos de saúde, o referido grupo prioritário deve apresentar documento comprobatório que informe a condição de policial militar ou civil na ativa.

Para garantir a ampliação da cobertura vacinal, o Ministério da Saúde está adquirindo mais um milhão de doses da vacina, além das já previstas, com o Instituto Butantan, responsável pela produção do imunobiológico.

Deixe Aqui Seu Comentário
Rei dos Reis - Cortina
Tags
Ler Mais

RELACIONADAS

Close
Close

Adblock Detected

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios