WeCreativez WhatsApp Support
O MAIOR PORTAL DE NOTICIAS DO MARANHÃO
ᴄᴇɴᴛʀᴀʟᴅᴇɴᴏᴛɪᴄɪᴀꜱ.ʀᴀᴅɪᴏ.ʙʀ
CoronavírusMaranhãoPrincipais Destaques

Maranhão permanece com oito casos do novo coronavírus

Informações foram divulgadas pela Secretaria de Estado da Saúde (SES) nesta terça-feira (24). Número de casos suspeitos subiu de 308 para 584 em todo o estado.

A Secretaria de Estado da Saúde (SES) informou na noite desta quarta-feira (24) que o número de casos confirmados do novo coronavírus no Maranhão permanece em oito. De acordo com a SES, todos os casos confirmados estão em São Luís.

Outros dez casos foram descartados após exames laboratoriais realizados no Laboratório Central de Saúde Pública do Maranhão (Lacen-MA) nesta terça. Os pacientes com casos confirmados continuam sendo acompanhados por equipes do Centro de Informações Estratégicas de Vigilância em Saúde (CIEVS).

A secretaria informou que subiu de 308 para 584 o número de casos suspeitos no estado. Desde o início do monitoramento, já foram testados 774 casos de possível infecção por Covid-19 em todo o estado. Desse número, 182 foram descartados após o resultado de exames.

Casos confirmados:

  1. Homem de 69 anos, de São Luís, que retornou de viagem à São Paulo;
  2. Mulher de 37 anos, de São Luís, que teve contato com uma pessoa que esteve na Europa;
  3. Idoso (a), de São Luís, que teve contato com o homem de 69 anos;
  4. Idoso (a), de São Luís, que teve contato com o homem de 69 anos;
  5. Idoso (a), de São Luís, que teve contato com o homem de 69 anos;
  6. Idoso (a), de São Luís, que teve contato com o homem de 69 anos;
  7. Homem de 39 anos, de São Luís, que teve contato com um infectado (não informado);
  8. Homem de 57 anos, de São Luís, com histórico de viagem à São Paulo e Salvador.
Deixe Aqui Seu Comentário
Rei dos Reis - Cortina
Etiquetas
Ler Mais

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

RELACIONADAS

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios