Mansão "mais cara do mundo" tem US$ 100 milhões em dívidas

Residência no alto de montanha em Bel Air tem 20 quartos, boate particular e garagem para 50 carros

Uma residência gigantesca em Los Angeles, apelidada de “The One”, está à venda depois que o proprietário acumulou mais de US$ 100 milhões em empréstimos e dívidas, de acordo com documentos judiciais.

Em uma postagem no Instagram, Nile Niami, produtor imobiliário “The One”, lançou a casa de quase 10 mil metros quadrados, com sete piscinas, garagem para 50 carros, adega de 10 mil garrafas e até boate particular.

Promovida como a maior e mais cara propriedade urbana do mundo, a “The One” deve chegar ao mercado por US$ 500 milhões, de acordo com o vídeo que Niami postou no Instagram. Agora, no entanto, é venda é para quitar as dívidas de milhões de dólares do imóvel.

Niami pegou emprestado US$ 82,5 milhões da Hankey Capital em 2018 para continuar construindo a casa. Mas em março deste ano, a Hankey notificou a inadimplência enviando a propriedade para uma venda de execução hipotecária.

Niami teve 90 dias para pagar ou renegociar a dívida, que cresceu para mais de US$ 110 milhões, de acordo com documentos judiciais.

Sem pagamento feito até julho, a casa foi colocada em liquidação judicial – uma alternativa à execução hipotecária para complicados negócios imobiliários.

O contador e administrador da “The One”, Theodore Lanes, da Lanes Management Services, tem a tarefa de contabilizar as dívidas da propriedade, preparar e vendê-la para que consiga reembolsar os credores.

A Hankey Capital se recusou a comentar sobre a inadimplência ou concordata da mansão. Nile Niami não respondeu a um pedido de comentário da CNN Business.

Mas apesar das promessas de Niami de que a propriedade está quase pronta – durante um tour em vídeo da casa postado em abril, ele disse que levaria “mais quatro semanas, provavelmente” até a finalização.

Ainda há uma lista complicada de pendências e a propriedade não está pronta para o mercado, de acordo com o primeiro relatório de Lanes.

Alguns itens são detalhes finais bastante típicos ao construir uma casa – a empresa de gás não fornecerá serviço até que haja um certificado de ocupação emitido, por exemplo. Mas outros são específicos da propriedade: a licença para construir uma cozinha profissional de bufê comercial foi negada e o espaço permanece vazio.

Lanes disse em um e-mail para a CNN Business que ainda está se inteirando sobre novos assuntos que precisam ser resolvidos, incluindo a obtenção de planos e autorizações para pessoas que trabalham em casa, uma empresa de montagem de móveis e os responsáveis pelo paisagismo do local.

“É uma lista bastante extensa”, disse.

Vista aérea da ‘The One’, no alto de um montanha em Bel Air, Los Angeles / Nile Niami / Instagram

Mansão está sem seguro e impostos não estão pagos

Um dos outros problemas enfrentado pela mansão “The One” é a falta de um seguro residencial. O seguro da gigantesca propriedade caducou no início deste ano. Devido ao tamanho e à fama da casa nas redes socais, intrusos já invadiram o local.

“Quanto aos demais projetos, todos estão sendo avaliados com base nos requisitos para obtenção do certificado de ocupação. Se o certificado de ocupação é obrigatório, ele é uma prioridade”, disse Niami.

A casa também tem mais de US$ 2 milhões em impostos e faturas a fornecedores de concreto, ar-condicionado e andaimes não pagos, de acordo com o relatório da Lanes.

“Esta é uma propriedade muito complicada com alguns problemas em aberto”, escreveu Lanes em seu relatório.

“No momento, o foco é obter seguro completo e desenvolver cronograma e orçamento para garantir o certificado de ocupação, de forma a maximizar o valor e tornar o imóvel mais comercializável.”

Mansão tem 20 quartos, seis elevadores e até pista de boliche

Há quase dez anos em construção, a casa fica no topo de uma colina em Bel Air, com vista privilegiada para Los Angeles.

A casa gigantesca tem 20 quartos, incluindo oito quartos para os funcionários e uma casa de hóspedes de três quartos, com seis elevadores, uma biblioteca, sala de charutos e sala de doces, de acordo com um vídeo de exibição da mansão.

A propriedade ainda é promovida como tendo uma pista de boliche de quatro pistas, um cinema com 50 lugares, um pequeno campo de golfe, spa e academia, um salão de beleza, um bar e uma quadra de tênis.

Apesar de Niami dizer repetidamente que a casa estava a poucas semanas de chegar ao mercado – ela nunca chegou.

No ano passado, no entanto, Niami conseguiu vender outras propriedades – a preços mais modestos e com desconto.

No início deste ano, ele vendeu uma mansão em West Hollywood por US$ 26 milhões, bem abaixo do preço inicial de US$ 35 milhões, de acordo com registros de propriedades relatados no Realtor.com.

Em abril, ele vendeu uma mansão Bel Air por US$ 36 milhões, pouco mais da metade de seu preço original de US$ 65 milhões em 2018, de acordo com Zillow.

Outros avisos de inadimplência também chegaram, incluindo uma dívida de US$ 10 milhões em uma casa em Hollywood Hills e outro sobre uma dívida de US$ 23,4 milhões em uma casa em Bel Air, de acordo com o Los Angeles Times.

E Niami está sendo processado por outros credores em busca de seu dinheiro. A imobiliária Compass o processa pelo não pagamento de um empréstimo de US$ 200 mil que ele fez enquanto tentava vender outra residência em Bel Air, de acordo com documentos judiciais.

“The One” é promovida como a maior e mais cara propriedade urbana do mundo, mas acumula dívidas e está sem seguro / Youtube / Michael Blakey

Não está claro qual será o valor final de mercado da “The One” ou quando ela estará disponível para a venda.

“Ainda estou avaliando propostas e estratégias de vários agentes de listagem em potencial”, disse Lanes por e-mail.

Embora a propriedade ainda não tenha chegado ao mercado, um formulário do Google Forms estava disponível no início deste ano para compradores em potencial preencherem.

Além das informações de contato, ele faz apenas uma pergunta: “Por meio de qual influenciador você descobriu a casa?”

Vários influenciadores da internet já falaram sobre a “The One”.

Em abril passado, Niami fez um tour pela casa da personalidade do YouTube, Michael Blakey. O passeio oferece um vislumbre da boate com área VIP e um passeio pela suíte master de cerca de 370 metros quadrados – com piscina particular.

“Eu dei tudo a eles aqui”, disse Niami no vídeo. “Temos tudo que alguém poderia querer nesta casa.”

Com informações da CNN