Nasa procura voluntários para missão que simula sobrevivência em Marte

Programa auxilia desenvolvimento de tecnologias para prevenir e resolver problemas em viagens ao espaço.

A Nasa abriu inscrições para voluntários que queiram participar de uma missão que simula a sobrevivência em Marte. Com início previsto para setembro de 2022, o programa tem o objetivo de apoiar pesquisas sobre o desenvolvimento de tecnologias para prevenir e resolver problemas em viagens futuras ao espaço.

A missão, chamada de "Exploração análoga de performance e saúde da tripulação" (CHAPEA, na siga em inglês), inclui três simulações de um ano baseadas nas características do planeta vermelho, e serão realizadas no Johnson Space Center, em Houston, no estado no Texas.

Cada missão vai ser realizada com tripulações de quatro pessoas que vão morar e trabalhar num módulo de 500 metros quadrados impresso com tecnologia 3D, chamado de Mars Dune Alpha. Os participantes terão de enfrentar alguns desafios previstos em uma viagem espacial, incluindo recursos limitados, falha de equipamento e atrasos de comunicação. As tarefas da tripulação incluem caminhadas espaciais simuladas, pesquisa científica, uso de realidade virtual e controles robóticos e troca de comunicações.

Para participar, basta ter nascido nos Estados Unidos ou ser residente permanente do país; possuir mestrado em áreas de tecnologia, como engenharia e ciência da computação ou pelo menos mil horas de voo em aeronaves a jato; ter entre 30 e 35 anos; não ser fumante e ter inglês fluente. De acordo com a agência, os critérios para a seleção seguirão os padrões de candidatos a astronautas. Mais informações estão disponíveis no site da CHAPEA.