Rodoviários rejeitam proposta de 2% e greve é mantida em São Luís

A capital maranhense está sem ônibus nas ruas desde a última quinta-feira

Rodoviários do transporte público de São Luís rejeitaram no fim da tarde desta segunda-feira (25), uma proposta feita pelos empresários do setor de reajuste salarial de 2%, e portanto, devem manter a greve por tempo indeterminado. 

Os rodoviários pedem reajuste salarial de 13%, dentre outras reivindicações.

A categoria está em greve desde a última quinta-feira (21).