CidadesMaranhão

Motorista que provocou acidente e morte de advogado em Imperatriz estava embriagado

Warlei Alves foi autuado por homicídio culposo qualificado

Reportagem
Eduardo Passos

IMPERATRIZ – O condutor da S-10, Warlei Alves do Nascimento, de 34 anos, que avançou a preferencial e provocou a morte do advogado Gildenor Santos Lima, 59 anos, apesar de negar que tenha ingerido bebida alcóolica, estava visivelmente embriagado quando foi apresentado ainda na noite dessa quarta-feira (8), no Plantão Central da Polícia Civil. As informações são do delegado regional, Eduardo Galvão.

Warlei Alves foi autuado por homicídio culposo qualificado, previsto no artigo 302, parágrafo 3º do Código de Trânsito, quando a pessoa comete um homicídio no trânsito, sob efeito de bebida alcoólica. A para este tipo de crime é reclusão de cinco a oito anos em regime fechado.Fonte Imirante.com

Baixar áudio da matéria


Faça o Download!

Outras matérias

O acidente

No cruzamento das ruas Brasil com Sousa Lima uma câmara de segurança flagrou o acidente. As imagens mostram a caminhonete invadindo a via preferencial e colhendo, em cheio, a motocicleta. Com o choque, as vitimas foram arremessadas para a calçada e caminhonete chega a passar por cima da moto.

Deixe Aqui Seu Comentário
Tags
Ler Mais

RELACIONADAS

Close
Close