WeCreativez WhatsApp Support
O MAIOR PORTAL DE NOTICIAS DO MARANHÃO
ᴄᴇɴᴛʀᴀʟᴅᴇɴᴏᴛɪᴄɪᴀꜱ.ʀᴀᴅɪᴏ.ʙʀ
CidadesMaranhão

Polícia indicia vigilante por esfaquear cadela dentro de faculdade em São Luís

A cadela, que se chama Nemeria, sofreu várias perfurações na cabeça e ficou cega.

A Polícia Civil indiciou um vigilante identificado como Célio Ferreira por esfaquear uma cadela dentro da Faculdade Kroton/Pitágoras no Turu, em São Luís, no dia 27 de agosto. Dois dias depois, o vigilante se apresentou à polícia para prestar depoimento e negou o crime.

A cadela, que se chama Nemeria, sofreu várias perfurações na cabeça e ficou cega.

Após o caso, a Faculdade afastou um vigilante suspeito de cometer o crime e disse que registou um Boletim de Ocorrência da Delegacia do Meio Ambiente. Em nota, disse ainda que está apurando o caso internamente.

Investigações
Segundo a Delegacia do Meio Ambiente, por força de lei, todos os casos envolvendo violência contra animais geram um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO), que é para crimes de menor potencial ofensivo. Apenas o vigilante foi indiciado pelo crime.

Nessa quarta (11), foi realizada uma audiência de conciliação no 1º Juizado Especial Criminal de São Luís com a presença do vigilante e do Ministério Público. Foi oferecido o pagamento de cerca de R$ 20 mil pela reparação dos danos, mas não houve acordo. Agora, a Justiça deve marcar uma audiência de instrução e julgamento enquanto o Ministério Público vai analisar o TCO produzido pela Polícia Civil e pode oferecer denúncia contra o acusado.

Com informações do G1/MA

Deixe Aqui Seu Comentário
Rei dos Reis - Cortina
Etiquetas
Ler Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

RELACIONADAS

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios