WeCreativez WhatsApp Support
O MAIOR PORTAL DE NOTICIAS DO MARANHÃO
ᴄᴇɴᴛʀᴀʟᴅᴇɴᴏᴛɪᴄɪᴀꜱ.ʀᴀᴅɪᴏ.ʙʀ
O FIM DAS DORES - Magnésio Dimalato Magnésio Dimalato
Policial

Polícia ouve mais um PM sobre triplo assassinato de jovens em São Luís

O PM João Inaldo Corrêa Júnior prestou depoimento, nessa quarta-feira (9), na Superintendência de Homicídios.

Dezessete pessoas já foram ouvidas sobre o triplo homicídio, registrado no bairro Coquilho, zona rural de São Luis. Nessa quarta-feira (9), o Policial Militar, João Inaldo Corrêa Júnior, prestou depoimento na Superintendência de Homicídios. É dele a arma que o policial Hamilton Caires Linhares disse ter usado para atirar pra cima no dia do crime. Hamilton disse que perdeu a arma e estava usando a do colega José Inaldo.

PM João Inaldo

Segundo a Polícia Civil, o PM Hamilton Caires Linhares, que está preso, confessou que perseguiu os meninos e deu um tiro para cima para assustá-los, mas negou a autoria do crime. Ele disse ainda que perdeu a própria arma e que usou uma arma emprestada pelo PM João Inaldo.

Atualmente, a principal linha de investigação é de execução, principalmente pela forma como o corpo dos meninos foram encontrados. A Polícia Civil também identificou o tipo de arma usada no crime, uma pistola .40.

Como se tratava de três jovens, a polícia acredita que mais de uma pessoa tenha participado do crime.

Os corpos dos jovens foram encontrados, na última sexta-feira (4), em uma área de construção de condomínios do ‘Minha Casa Minha Vida’. Eles foram identificados como Gustavo Feitosa Monroe, de 18 anos; Joanderson da Silva Diniz, 17 anos; e Gildean Castro Silva, de 14 anos.

Parentes e moradores se revoltaram com o caso e incendiaram o setor administrativo dos condomínios e dois ônibus que fazem o transporte dos funcionários das construtoras da obra.

Deixe Aqui Seu Comentário
Rei dos Reis - Cortina
Tags
Ler Mais

RELACIONADAS

Close
Close

Adblock Detected

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios