WeCreativez WhatsApp Support
O MAIOR PORTAL DE NOTICIAS DO MARANHÃO
ᴄᴇɴᴛʀᴀʟᴅᴇɴᴏᴛɪᴄɪᴀꜱ.ʀᴀᴅɪᴏ.ʙʀ
PolíticaPrincipais Destaques

“Uma boa economia protege, em primeiro lugar, a vida de todos”, diz governador Flávio Dino

Flávio Dino publicou um vídeo em sua rede social, nesta quarta-feira (25), após pronunciamento do presidente Bolsonaro.

Na manhã desta quarta-feira (25) o governador Flávio Dino defendeu a proteção à vida e o bom funcionamento da economia. Ele apontou caminhos como: a prática da justiça social, os investimentos em obras públicas e a utilização dos fundos disponíveis dos bancos públicos, para salvar vidas e proteger a economia brasileira.

“É possível e necessário salvar vidas e proteger a economia brasileira. A vida em primeiro lugar”, afirmou o governador. Ele disse que é preciso, como ponto de partida, praticar a justiça social e citou o artigo 148 da Constituição, que trata da criação do empréstimo compulsório para que os bancos privados financiem um fundo que apoie ações sociais especialmente destinadas a trabalhadores autônomos e informais.

Em segundo lugar, o governador tratou sobre a importância de distribuir intensamente cestas básicas e constituir um programa de renda mínima para quem está sofrendo os efeitos da crise econômica, existente antes mesmo da crise sanitária do coronavírus.

Ele falou ainda sobre a necessidade do Governo Federal liderar o processo de investimentos maciços em obras públicas para que, com isso, a economia possa dar os primeiros passos agora e no futuro. Por último, o governador Flávio Dino falou sobre a proteção às micro e pequenas empresas, mediante a destinação dos fundos disponíveis dos bancos públicos, especialmente o BNDES.

“Esse é o caminho do bom senso, da ponderação, do equilíbrio. É disso que o Brasil precisa nesse momento: verdade, transparência e bom senso”, concluiu o governador do Maranhão.

 

Deixe Aqui Seu Comentário
Rei dos Reis - Cortina
Etiquetas
Ler Mais

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

RELACIONADAS

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios